Presente, o maior presente.

12 de março de 2010

Parece que vivemos presos ao passado e futuro, deixando de viver o presente.

Como o próprio nome diz, o presente é realmente um presente, pois só nele podemos realizar nossos sonhos, fazer o que gostamos, o que queremos. Acontece que passamos muito tempo idealizando um futuro perfeito, nem que seja o dia seguinte, porém, poucas vezes sabemos aproveitar esses dias, meses, anos, horas, minutos, momentos. É aí que, quando tudo passa, nós nos prendemos ao passado e vivemos de nostalgia e lembranças as quais podem nunca mais voltar... pelo menos não como antes.

Não paramos para enxergar no que nós temos, no que conquistamos até hoje. Sempre temos uma desculpa para certa coisa. "Só não vou para lá, pois ainda não tenho um carro" ou "Tudo vai ser mais fácil quando eu estiver morando naquela cidade..."

Planejar o futuro é realmente fundamental e, muitas vezes, prazeroso, mas muitas pessoas prendem-se tanto ao que ainda estar por vir que esquecem de viver o que têm agora, nesse exato instante.

Tem gente que morre sem saber significado da felicidade, justamente por passar a vida procurando-a, sem perceber que ela sempre esteve bem ao lado.


Manie
estudante de jornalismo, escritora por amor e professora nas horas vagas. 22 anos, moro em Floripa com meu companheiro e tomo cerca de 5 doses de café diárias. amo cheiro de livro velho e sou gamada numa biblioteca. adoro vinho barato, noites frias - dessas que sai fumacinha da boca. sou rolezera, mas também gosto de ficar em casa de buenas fazendo sopa.

talvez você também goste:

4 comentário (s)