O século XX em fotografias

17/02/2014


Sábado passado eu vesti meu uniforme de bibliotecária e dei uma geral nas estantes lá do lugar onde eu assisto e dou aulas (Educafro). Exceto pelas aranhas, ácaros e elefantes que eu encontrei dentro dos livros, me diverti muito. Eu adoro organizar livros, sabe... Separar por categorias, limpar, deixar tudo bonitinho. No primeiro dia de aula eu vou falar pros alunos:

- Pessoal, olhem as estantes... Tão lindas né? Olhem de novo. Mais uma vez. VOCÊ AÍ QUE NÃO TÁ OLHANDO, FASFAVOR! 

É claro (sublinhem o é claro) que eu aproveitei pra salvar algumas coisinhas da reciclagem. Além de um exemplar de Dom Casmurro, Memórias de um Sargento de MilíciasCom Licença Vou à Luta, achei essa belezura da foto perdido no meio da velharia. Foi amor à primeira vista, apenas. 


Vários fatos do século XX estão nesse livro, cheio de fotografias maravilhosas. Por eu ter amado tanto essas fotos, resolvi compartilhar com vocês algumas delas, junto com as passagens que eu gostei. 



















Apresento agora a minha preferida:
MAKE LOVE, NOT WAR



Quero aproveitar o post pra divulgar o blog do meu irmão-mais-velho Tadeu, que voltou a sambar na internet com seus textos maravilhosos. Visitem: Devaneio.

Outra coisa: estou pensando em trazer um pouco de moda pro blog. Tá, o máximo que eu entendo do assunto é imitar as angels do Victoria Secret's aqui na sala de casa, mas o meu primo-irmão Cassio, do blog Cassio Matos, vai me ajudar nesse desafio. Quero falar sobre coisas que podemos usar no dia-a-dia, com o que geralmente temos no armário. Estou animada!

Última coisa: quem quiser participar do próximo vídeo, é só enviar alguma pergunta pro meu e-mail (maniefofi@hotmail.com). Ainda não tenho data pra gravar o vídeo, mas quero muito responder suas perguntinhas. Podem perguntar qualquer coisa: meu peso, cor favorita, equação da fotossíntese! Quero ver todo mundo num momento bem Marília Gabriela, heim!

Manie
Estudante de jornalismo, escritora por amor e professora nas horas vagas. Tenho 22 anos, moro em Floripa com meu companheiro e tento ver graça nas coisas simples do dia-a-dia.

Você poderá gostar também:

12 comentário (s)